A importância da empatia no Cuidado Centrado no Paciente

Atualizado em 14/01/2021
Por Nelma Melgaço

A importância da empatia no Cuidado Centrado no Paciente

Atualizado em 14/01/2021
Por Nelma Melgaço

A importância da empatia no Cuidado Centrado no Paciente

O Cuidado Centrado no Paciente consiste na provisão de cuidado que respeita e responde às preferências, às necessidades e aos valores dos pacientes e tem como objetivo assegurar que esses sejam os norteadores das decisões clínicas¹, ou seja, o conhecimento dos valores e preferências de um paciente deve ser priorizado pelo profissional de saúde  no processo terapêutico. Neste cenário, a empatia é um instrumento valioso, pois habilita o profissional a identificar e compreender às necessidades do paciente. Em outras palavras, o profissional empático incrementa a sua capacidade de compreensão da perspectiva do paciente e a partir disso tem a possibilidade de traçar caminhos de cuidado apropriados. 

É comprovado a que empatia está associada a uma série de resultados positivos na clínica, tanto para pacientes quanto para profissionais de saúde. Segundo o artigo intitulado: “Empatia do médico é um fator chave para satisfação do paciente”², 65% da satisfação do paciente foi atribuída à empatia do médico. Estudos adicionais também tratam do impacto que a empatia tem na melhoria dos resultados em saúde e a sua importância no cuidado do paciente³.

¹ALBUQUERQUE, Aline. Manual de Direito do Paciente: para pacientes, profissionais da saúde e profissionais do direito. Belo Horizonte. 2020

²  American Academy of Orthopaedic Surgeons. “Physician empathy a key driver of patient satisfaction: New study supports enhanced physician-patient communication training.” ScienceDaily. ScienceDaily, 1 March 2016. Disponível em: www.sciencedaily.com/releas

³ How does the physician’s empathy affect patient outcomes?  https://www.gold-foundation.org/how-does-physician-empathy-affect-patient-outcomes/

A importância da empatia no Cuidado Centrado no Paciente

Nelma Melgaço, aqui no Blog.
Advogada com experiência na área da saúde há mais de 14 anos. Especialista em Bioética Clínica pela Redbioética da UNESCO. Membro do Comitê Hospitalar de Bioética do Hospital de Apoio de Brasília e membro da Comissão de Bioética e Biodireito da OAB/DF.

O que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários sua opinião sobre: A importância da empatia no Cuidado Centrado no Paciente.

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share This